Home / Blog /

IMPACTO SOCIAL SEM GERAR DEPENDÊNCIA É POSSÍVEL!


Negócios Sociais

IMPACTO SOCIAL SEM GERAR DEPENDÊNCIA É POSSÍVEL!

09 DE FEVEREIRO DE 2018

No ano de 2018 uma de nossas metas é deixar cada vez mais transparente os processos e atividades dos projetos no Haiti, para que você sempre saiba o que está sendo feito e o que cada um dos envolvidos está realizando. Por isso trouxemos notícias:

- Primeiro sobre a cooperativa de costura que criamos no Haiti: ela já não depende financeiramente da Hevp! Paramos formalmente de investir (aluguel, compra de insumos, máquinas, professores) em Dezembro e 2017. Agora as mulheres que eram alunas estão se esforçando mais ainda para gerar a própria renda e fazer a cooperativa girar, já produzindo uniformes escolares e roupas sociais. Contudo o nosso acompanhamento não acabou e se caso elas precisarem da nossa ajuda, estaremos sempre presentes, assim elas não terão nenhum gasto que atrapalhe o bem estar de suas famílias.


- Com relação ao nosso objetivo de investir em pequenos negócios de empreendedores do país através do microcrédito, ao que tudo indica estamos no caminho de colocar em prática. Em 2017, fizemos uma capacitação com aulas sobre negócios para 30 pessoas, acompanhamos os que já tinham algum negócio em prática e demos tarefas para eles e para aqueles que pensavam em começar uma nova maneira de conseguir a própria renda. Os responsáveis por esse projeto são o Brity, que conheci no final de 2016 e que se propôs a nos ajudar (ele trabalha há alguns anos com microcrédito no Haiti) e a Ana, nosso braço direito no país.  Depois desse contato inicial com os possíveis participantes, estamos fazendo uma reciclagem nessa segunda semana de fevereiro sobre tudo que foi falado e estudado no ano passado. Vamos identificar os 10 que mais se dedicaram e que mais se interessam em fazer parte do nosso objetivo. O próximo passo será investir 100 dólares em cada uma dessas dez pessoas e verificar o resultado durante os próximos meses. É importante começar com poucas pessoas e com um valor relativamente baixo (mesmo que no Haiti 100 dólares represente bastante coisa – principalmente para aqueles que tem dívidas em bancos locais e que perdem todo seu lucro com os juros) já que é o início de um novo processo e com certeza teremos muito o que adaptar e mudar.

Estamos felizes com isso. O trabalho é um pouco lento e trabalhoso, mas não vamos parar de tentar pôr em prática maneiras que possam ajudar os mais precisam a gerar renda própria e deixarem de depender de doações e ajuda externa.

Obrigado por estarem sempre com a gente nessa jornada!

Outra boa notícia: a nova coleção está sendo finalizada e em breve estará presente no site e em lojas selecionadas no Paraná.

Grande abraço,

Lucas

COMPARTILHE ESSE POST

COMENTÁRIOS